30 Anos de Projeciologia: Celebrando e Resgatando a Obra

novembro 20, 2016

Por Tony D’Andrea

2016 marca trinta anos da publicação do livro Projeciologia (1986), uma das obras mais impressionantes no campo da parapsicologia, espiritismo e espiritualismo em geral. Com o sub-titulo Panorama das Experiencias da Consciencia Fora do Corpo Humano, a obra enciclopédica resulta de décadas de estudos e experiências do médico e parapsíquico Waldo Vieira.

livroprojeciologia1986

Edição original do livro em 1986, distribuida gratuitamente pelo autor Waldo Vieira a pesquisadores da temática.

Com mais de 900 páginas, a obra adota terminologia técnica mas acessível para descrever uma pletora de fenômenos parapsíquicos e sobrenaturais:  experiências fora do corpo, expressões energéticas, repercussões físicas, entidades espirituais, até temas de reencarnação e serenismo. Percebe-se a perspectiva médica em forma e conteúdo: sumários de pesquisas e sinônimos são seguidos por notas descritivas de ênfase anatômica, fisiológica e higienista, com conclusões hipotéticas e interessantes.

Sendo a obra mais fundamental da projeciologia, por que caiu em desuso?

Inicialmente distribuida gratuitamente pelo autor Waldo Vieira a pesquisadores comprovadamente dedicados, o livro formaliza a criação da própria disciplina, leavando à inauguração do Instituto Internacional de Projeciologia na cidade do Rio de Janeiro em 1988. Posteriormente, o crescimento organizacional se caracteriza pela multiplicação de grupos, marcas e termos técnicos de complexidade crescente.

Cansado de responder às mesmas perguntas triviais sobre a projeção, Waldo Vieira se volta ao tema da evolução consciencial: progresso linear e mensurável com o objetivo de “evoluir o mais rápido possível”. Contudo, Vieira impos um tom fortemente moralista e instrumental em publicações subsequentes. Inventar e memorizar uma terminologia abstrusa é, na pratica, mandatório na comunidade. Novas gerações de conscienciólogos são formados sob tais diretivas, sem passarem pela abordagem experiencial, moderada e objetiva de tempos passados. A projeciologia é assim injustamente relegada como conhecimento trivial e, mesmo, obsoleto.

Cabe uma breve reflexão sobre o futuro de Projeciologia. Sendo uma das obras mais relevantes no campo, o livro deve ser resgatado como referência fundamental para parapsicólogos, espiritas, projeciólogos, conscienciólogos, e qualquer pessoa com interesse no universo parapsíquico. A redescoberta desta obra é possível no Brasil, assim como nos Estados Unidos e Reino Unido, onde cresce a curiosidade sobre o paranormal em meios espiritualistas mas também populares.

Anúncios